Prefeitura Municipal de Bom Despacho

Atenção: as funções do site requerem que o Javascript esteja habilitado!
Ative-o e recarregue a página novamente.

PMAQ fez excelente avaliação das nossas Unidades Básicas de Saúde

Prefeitura Municipal de Bom Despacho

PMAQ fez excelente avaliação das nossas Unidades Básicas de Saúde

Por causa das boas notas, saúde receberá mais de R$ 1 milhão por ano para investir em mais serviços para o cidadão

As nossas Unidades Básicas de Saúde foram muito bem avaliadas dentro do Programa de Governo de Melhoria do Acesso e da Qualidade na Atenção Básica (PMAQ). Unidades de todo o País foram vistoriadas. “As nossas foram classificadas como boas e muito boas”, comemora o Prefeito em Exercício, Dr. Bertolino da Costa Neto.

As notas altas vão propiciar ainda mais serviços para o cidadão. “As equipes das unidades se empenham muito para atender bem. Essa dedicação unida às inovações implementadas pela Administração trouxeram as boas notas. E as boas notas vão nos render mais de R$ 1 milhão por ano. Dinheiro que será investido em ainda mais serviços e melhorias para o cidadão”, destaca a secretária de Saúde, Neide Braga.

Os técnicos do PMAQ avaliaram tudo: infraestrutura, fluxo de atendimento, equipamentos, higiene e o principal, a satisfação dos cidadãos. Também levaram em consideração os serviços oferecidos espontaneamente. “São os grupos organizados em todas as unidades, que levam mais prevenção, orientação e qualidade de vida para as pessoas que lutam contra o tabagismo, alcoolismo, diabetes, hipertensão. Também tem atividades para idosos, gestantes, crianças”, diz a subsecretária de saúde, Joselene Pinto.

Hoje, a cidade tem mais unidades básicas, que oferecem mais serviços – Desde 2013, o número de UBS aumentou de 8 para 15. Isso fez com que Bom Despacho entrasse para o seleto grupo de municípios que cobrem 100% da população com a Atenção Básica de Saúde. Tem mais: pela primeira vez na história da cidade, a Prefeitura oferece atendimento odontológico em todas as unidades básicas. Nelas, o cidadão recebe limpeza, restaurações e outros procedimentos simples. Os casos complexos são encaminhados para o Centre de Especialidades Odontológicas (CEO).

Imprimir