Prefeitura Municipal de Bom Despacho

Atenção: as funções do site requerem que o Javascript esteja habilitado!
Ative-o e recarregue a página novamente.

Cultura e Turismo

Prefeitura investe R$50 mil para preservação do Reinado em BD

A Secretaria de Cultura e Turismo repassou o valor referente a R$20 mil para a Associação dos Reinadeiros. A verba, vinda do Fundo do Patrimônio Cultural, visa auxiliar na salvaguarda e preservação do Reinado de Bom Despacho.

Patrimônio Cultural – devido à sua importância cultural e histórica, o Reinado é registrado como patrimônio cultural de Bom Despacho desde 2014. Por conta disso, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo e órgãos relacionados ao Patrimônio Cultural, trabalha continuamente para preservar as suas tradições.

Clique aqui para saber mais sobre a história do Reinado

Bom Despacho é a primeira cidade do centro-oeste mineiro a aprovar Plano Municipal de Igualdade Racial

A Câmara Municipal de Bom Despacho aprovou o Plano Municipal de Promoção da Igualdade Racial, de autoria do Executivo. O plano visa garantir a execução de políticas públicas de integração e garantias de direitos às pessoas historicamente discriminadas por conta da cor da pele. Veja o plano.

Com a aprovação, as políticas de promoção de Igualdade Racial deverão ser implantadas de forma efetiva em todos os setores da Administração Pública. A execução do plano será gerida pela Coordenadoria de Igualdade Racial e será acompanhada e fiscalizada pelo Conselho de Igualdade Racial.

“O plano surgiu através de muita luta pelo resgate cultural, saber tradicional e a sobrevivência do povo negro. Trata-se de um trabalho voltado para a implantação de ações, e demonstra a valorização da gestão em fazer um plano de inclusão social para a população”, afirma a coordenadora de Igualdade Racial, Maria das Graças Epifânio.

O coordenador estadual de Promoção Estadual de Igualdade Racial, Clever Machado, enfatiza a importância dessa conquista para as populações negras do Município. “O Plano Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Bom Despacho é um ganho político para a população, pois vai garantir que a pauta e o público alvo dessa política tenha acesso as políticas públicas específicas para garantia dos direitos da população negra, índigenas, Quilombolas e ciganas”, afirmou Clever.

A secretária de Cultura e Turismo, Rosimaire dos Santos, também comemora a aprovação. “O plano foi construído com a participação da gestão, seguimentos e Conselho Municipal de Igualdade Racial e representa um grande avanço na luta do movimento negro da cidade. O Poder Municipal, com a apresentação deste plano materializa a importância de ações positivas para a promoção da igualdade racial no município de Bom Despacho, uma vez que restituem igualdade de oportunidades entre os grupos raciais com a promoção de tratamento diferenciado aos povos que historicamente foram marginalizados”, afirmou Rosimaire.

Prefeitura está ofertando aulas de teatro à população

A Prefeitura começou as aulas de teatro para a população. As aulas de teatro e outras atividades relacionadas às artes cênicas são importantes para desenvolver habilidades como o autoconhecimento, a comunicação e expressão, estimular a leitura e a responsabilidade e promover o aperfeiçoamento corporal.

“As aulas de teatro envolvem muito mais do que simplesmente atuar. Elas são um constante exercício de leitura, compreensão de textos e intensa atividade intelectual. Isso desenvolve diretamente diversas áreas do cérebro que podem melhorar — e muito — o desempenho acadêmico e profissional dos alunos”, afirmou o coordenador do projeto, Matheus Vargas.

Participe você também – As aulas são gratuitas para adolescentes (10 a 18 anos) e adultos. Inscreva-se clicando aqui.

Estão abertas as inscrições para o Concurso Beleza Negra 2021

Até o dia 22 de outubro pessoas negras e pardas residentes em Bom Despacho acima de 15 anos poderão se inscrever no Concurso Beleza Negra 2021.

Ao todo há 22 vagas, sendo 11 para mulheres e 11 para homens. Para se inscrever, clique aqui. As inscrições são gratuitas. Será dada prioridade para aqueles que ainda não participaram do Concurso de Beleza Negra e para os primeiros a se inscreverem.

Baixe o regulamento

Prefeitura inicia restauração da Maria Fumaça

Na foto estão a secretária de Cultura Rosimaire, servidora Joyce, restaurador Wilson, restaurador Matias e a servidora Bárbara.

Ontem (dia 6) a equipe da Secretaria de Cultura e Turismo recebeu Wagner Matias, restaurador formado pela Fundação de Artes de Ouro Preto, para iniciar os trabalhos de restauração da locomotiva 325 (Maria Fumaça), que fica no Museu Ferroviário de Bom Despacho.

Wagner foi contratado recentemente, após deliberação do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural e será custeado com recursos advindos do ICMS – Patrimônio Cultural. Ele já atuou em obras de restauração por todo o Brasil como a Capela da Palácio da Alvorada, Igreja da Pampulha, Estação Ferroviária de Goiânia, Igreja São Francisco de Ouro de Preto, Conjunto da Basílica de Congonhas.

Segundo Wagner Matias “a restauração é um trabalho que mantém as características do bem, sem a intenção de alterar suas formas ou aspectos físicos, como cor, formato ou composição geral. É como arrumar sua casa, sem mudar nada nela. Diferente da reforma, que é quando se altera as características, cores, estrutura, etc. Desta forma, por se tratar de um patrimônio material tombado, a Locomotiva será restaurada. O objetivo dessa intervenção é fazer um trabalho pautado no critério da mínima intervenção do bem. Esse critério de mínima intervenção visa valorizar as características originais da peça, sem alterá-la ou tentar criar um falso histórico.”

Segundo Bárbara Freitas, historiadora e servidora da Prefeitura, “dessa forma, a nossa famosa Maria Fumaça será limpada, tratada e valorizada. A expectativa para o trabalho é recuperar a memória coletiva da ferrovia e de todos os trabalhadores ferroviários que atuaram em Bom Despacho, na Estrada de Ferro Paracatu.”

Servidores da Secretaria de Cultura participaram do Seminário de Turismo de Onça de Pitangui

Nos dias 24 e 25 de setembro, a Prefeitura Municipal de Onça de Pitangui, em parceria com o Circuito Trilha dos Bandeirantes, realizou o Seminário de Turismo. Na oportunidade servidores da Secretaria de Cultura e Turismo participaram e entenderam o processo de preparação de cada território com a finalidade de expandir o turismo em nossa região.

Estiveram presentes a secretária de Cultura e Turismo, Rosimaire Santos, a coordenadora de Turismo, Kátia Gonçalves, e o servidor Helder Souza.

Segundo o servidor Helder Souza “para desenvolver uma política turística de qualidade é necessário conhecer as vivencias e experiências de outros municípios.”

Segundo a coordenadora Kátia Gonçalves “vários conhecimentos foram obtidos e várias experiências da realidade de outros Municípios mineiros compartilhadas, proporcionando assim condições de evidenciar ainda mais nossos atrativos e expandir o Turismo a nível local e regional.”

Segundo Rosimaire Santos “foi uma ótima oportunidade de estreitar os laços com os gestores responsáveis pelas ações integradas no Estado de Minas Gerais e no Circuito Trilha dos Bandeirantes, o que garante facilidade de contato para acelerar o trâmite para aprovação dos nossos projetos. Esta é mais uma ação para promover o turismo em nossa cidade.”

Projetos de BD receberão recursos para participar do Festival Cultura e Desenvolvimento Local

Na foto estão as servidoras Cecília Santos e Bárbara Freitas, a vice-prefeita Juliana Jaber, Marcelo Santos, Rosimaire Santos e os servidores Helder Souza e Maria das Graças.

A equipe da Secretaria de Cultura e Turismo recebeu o coordenador do Festival Cultura e Desenvolvimento Local, Marcelo Santos, responsável pela organização e apresentações culturais cujos projetos serão financiados pela AcerlorMittal. O coordenador do festival se reuniu com os artistas selecionados para orientar sobre a execução dos projetos.

“O Festival Cultura e Desenvolvimento Local é uma realização do Grupo Atrás do Pano com o importante apoio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura e da Prefeitura Municipal de Bom Despacho. O patrocínio é da ArcelorMittal, parceira da iniciativa desde 2017″, disse Marcelo Santos.

Nesta edição, a classe artística de Bom Despacho apresentou 39 propostas, das quais 11 foram selecionadas e receberão recursos financeiros para realização. Os projetos contemplam música, patrimônio imaterial, manifestações culturais de matriz africana, folclore, confecção de instrumentos musicais, gastronomia, artes plásticas, pesquisa, e palhaços.

“Em tempos de pandemia, cada projeto vai gerar um conteúdo divertido para todas as faixas etárias e acessível por meio da internet. O significativo número de inscritos corrobora a importância do financiamento às iniciativas locais com o objetivo de somar ao desenvolvimento dos artistas, formação de públicos e oferta regular de arte e cultura”, destacou Marcelo.

“São estas parcerias que possibilitam a realização e a construção do sonho artístico. O envolvimento de todos os parceiros faz a diferença para que possamos mostrar o valor de nossa gente: seja através da música, do artesanato, da culinária, da pesquisa, enfim, da arte. O número de propostas superou as expectativas e o sucesso é resultado do trabalho conjunto de toda a equipe. Acompanhem os canais de comunicação indicados e conheça os projetos selecionados”, disse Rosimaire Santos, secretária de Cultura.

Saiba mais

Participe das aulas de teatro da Prefeitura

A Prefeitura abriu as inscrições para suas aulas de teatro para a população. As aulas serão gratuitas para crianças (6 a 10 anos de idade), adolescentes (10 a 18 anos) e adultos.

As aulas de teatros e outras atividades relacionadas às artes cênicas são importantes para desenvolver habilidades como o autoconhecimento, a comunicação e expressão, estimular a leitura e a responsabilidade e promover o aperfeiçoamento corporal.

Inscreva-se clicando aqui

A princípio as aulas serão ministradas em dois locais: Nas Abaps do São Vicente do Bairro Ozanan. Conforme a demanda, mais locais serão acrescentados como o Salão Paroquial do Bairro São José e o Sopão do Bairro Ana Rosa.

Prefeitura recebe cadastramento e recadastramento de artesãos locais

A Secretaria de Cultura e Turismo informa que iniciou o recebimento de documentos para emissão ou renovação das Carteiras de Artesãos que encontram-se vencidas.


Os novos artesãos com idade igual ou superior a 16 anos podem se inscrever apresentando cópia dos seguintes documentos:

  • CPF;
  • Três vídeos de no mínimo 2 minutos e no máximo 6 minutos, no máximo, de cada técnica ou matéria-prima que deseja cadastrar (OBS: Em todo tempo do vídeo, o rosto e as mãos do requerente deverão aparecer simultaneamente.);
  • Identidade;
  • Comprovante de residência;
  • Inscrição no PIS/PASEP;
  • Foto ¾ em fundo neutro.

Para renovar, é necessário apresentar cópia dos seguintes documentos:

  • Termo de ciência;
  • Identidade;
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Fotos dos trabalhos produzidos pelos artesãos;
  • Formulário.

Os artesãos que tiverem facilidade de acesso e uso da internet, podem acessar diretamente o site para inscrição, ou, o Portal do Artesanato Brasileiro para renovação, para enviar os documentos respeitando-se a ordem acima.

Se você encontrar dificuldade para realizar a emissão ou renovação das carteiras, dirija-se pessoalmente à sede da Secretaria de Cultura e Turismo (Avenida Maria da Conceição Del Duca, 150, sala 50, Bairro Jaraguá)  com os documentos pessoais, de segunda-feira a sexta-feira, de 8h às 17h, que nossa equipe irá recebê-los e auxiliá-los.

Ressaltamos que o serviço é gratuito. Além do mais, a Carteira Nacional do Artesão é um documento físico, válido em todo o território nacional, que formaliza a atividade artesanal. Os portadores têm acesso a cursos de capacitação, feiras e eventos apoiados pela Sede e pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), bem como as ações dos Serviços em Inovação e Tecnologia (SebraeTec).

Outras dúvidas, estamos também disponíveis pelos números de telefone (37) 3520-1408 ou 99106-5309 (WhatsApp) ou pelos e-mails cultura@bomdespacho.mg.gov.br e cultura@pmbd.mg.gov.br.

Prefeitura apoia projeto Circo no Quintal

Na foto estão a secretária de Cultura Rosimaire Santos, Liliane Cunha e a vice-prefeita Juliana Jaber.

Liliane Cunha, a palhaça Berinjela, esteve na Secretaria de Cultura e Turismo em busca de parceria e apoio no seu mais recente projeto, o Circo no Quintal. Lili contou com o auxílio da equipe da Secretaria de Cultura e Turismo na elaboração de seu projeto para o Festival Cultura e Desenvolvimento Local. Se for selecionada, ela receberá R$5 mil para a realização do Circo no Quintal em Bom Despacho.

O projeto visa manter viva a arte circense por meio do circo itinerante e das oficinas de palhaçaria. “Circo no Quintal é um sonho que a cada dia fica mais próximo de ser realizado. Comecei sem recurso nenhum, mas com todo o meu amor a arte da palhaçaria , usei o que eu tinha e com criatividade improvisei o meu tão sonhado circo”, comenta a artista.

Inclusive, o projeto já teve a sua estreia, que foi um sucesso. “Pude perceber a alegria de quem veio prestigiar. Com certeza em breve teremos mais. Fiquei imensamente feliz e grata, pela a forma que a secretária de Cultura e toda a sua equipe me receberam e por se colocarem a disposição para que esse projeto possa ser grandioso e ser levado com muito profissionalismo pelos quatro cantos da cidade”, ela ressalta.

Estação do Rock reuniu boas músicas e pautas femininas

No sábado (dia 18), com apoio da Secretaria de Cultura e Turismo, foi realizada a 6ª edição do Estação do Rock – Elas. Nesta edição especial, a ação tratou de pautas femininas com entrevistas com mulheres que são destaque em Bom Despacho e bandas com destaque para musicistas. Confira como foi o Estação do Rock.

Pedro

“Em todas as edições nós buscamos tratar de um tema que precisamos conversar. Em conversa, nós da organização achamos que esse tema seria muito importante e então resolvemos valorizar elas. O Estação não é só um festival musical, mas uma ação social e cultural onde tratamos de assuntos que precisamos conversar”, afirmou Pedro Omar, organizador.

Juliana

“Que essa live seja marcante na nossa história. São as mulheres construindo o nosso dia a dia e mostrando que podem chegar onde quiserem”, afirmou a vice-prefeita Juliana Jaber.

Bárbara

 

“Como servidora, este foi um evento marcante para BD. A cidade evoluiu muito no sentido de discutir pautas importantes que não eram discutidas. Várias mulheres foram entrevistadas durante a transmissão, as bandas com destaque para musicistas”, afirmou a servidora da Secretaria de Cultura, Bárbara Freitas.

Veja a transmissão no player abaixo:

Secretaria de Cultura recebe visita técnica para alinhamento de ações turísticas de Bom Despacho

Na foto estão a secretária de Cultura Rosimaire Santos, a servidora Kátia Gonçalves, a turismóloga Cecília Galvão, o servidor Matheus Vargas, a servidora Bárbara Freitas, o servidor Helder Souza, a servidora Maria das Graças e a servidora Cecília Santos.

A Secretaria de Cultura e Turismo recebeu a turismóloga e gestora da Associação Circuito Verde – Trilha dos Bandeirantes, Cecília Galvão, para visita técnica. A ação teve como objetivo o alinhamento das ações turísticas de Bom Despacho e a qualificação de gestores para a utilização da Plataforma Integrada do Turismo.

A Plataforma é uma ferramenta desenvolvida pela Secretaria de Cultura e Turismo de Minas Gerais e tem o objetivo de promover o gerenciamento eletrônico de informações turísticas.

“Manter a plataforma atualizada é muito importante para o fortalecimento das ações turísticas de nossa cidade. Temos vários atrativos turísticos em nosso município. Destacamos a festa religiosa do Reinado, que encanta com suas cores e som, Igreja da Matriz, uma das mais belas da região, a gastronomia bem mineira com sabores e preparo especial, nossa cultura afro, turismo de négocio e esportivo que vem crescendo ao longo dos anos”, pontou a coordenadora da Secretaria de Turismo, Kátia Gonçalves.

Circuito Verde – Trilha dos Bandeirantes – Bom Despacho faz parte da Associação Circuito Verde – Trilha dos Bandeirantes com Dores do Indaiá, Esmeraldas, Leandro Ferreira, entre outras cidades da região. A participação no Circuito é um dos requisitos para que Bom Despacho consiga recursos por meio do ICMS Turismo. Em 2020, a cidade recebeu o recurso pela primeira vez.

Estação do Rock Elas – 18 de setembro de 2021

Confira as histórias da Banda do 7º Batalhão no sétimo episódio de Nos Trilhos da Cidade

A Secretaria de Cultura e Turismo está realizando o Programa Nos Trilhos da Cidade, transmitido no canal da Prefeitura no YouTube. O programa resgata as memórias referentes ao patrimônio cultural material e turístico da cidade a serem contadas por cidadãos bom-despachenses.

No sétimo episódio, Nos Trilhos da Cidade mostra a história da Banda do 7º Batalhão da Polícia Militar. No vídeo, o senhor Antônio Teixeira (Sr. Salgado) conta histórias sobre a banda que, em 2021, completa 90 anos.

Saiba mais – Em Bom Despacho, há doze bens tombados, três bens registrados e diversos outros inventariados. Assim, o patrimônio cultural de Bom Despacho é um dos motivos de orgulho da cidade.

ACOMPANHE TODOS OS EPISÓDIOS DE NOS TRILHOS DA CIDADE

8ª Jornada do Patrimônio Cultural – O vídeo faz parte da programação da 8ª Jornada do Patrimônio Cultural de Bom Despacho. Veja como foi a jornada deste ano.

2º Chá Literário – Poliana Barbosa – Setembro de 2021