Prefeitura Municipal de Bom Despacho

Atenção: as funções do site requerem que o Javascript esteja habilitado!
Ative-o e recarregue a página novamente.

Atenção cidadão, com zica vírus, mosquito da dengue está mais perigoso ainda

Prefeitura Municipal de Bom Despacho

90% dos focos estão nas residências, por isto a população deve agir imediatamente

O mosquito Aedes Aegypti, conhecido por transmitir a dengue, está muito mais forte. Ele também transmite febre chikungunya, febre amarela e o  zica vírus, responsável pelo surto de microcefalia em bebês. A situação é gravíssima. A população deve agir imediatamente, pois 90% dos focos do mosquito estão nas residências. “A principal forma de combater estas doenças é evitar que o mosquito nasça e se reproduza. Para isto, os cidadãos devem eliminar todos os pontos de água parada. Fiquem atentos aos ralos, vasos sanitários, calhas, pratinhos de plantas e bebedouros de animais. Limpem seus quintais e eliminem qualquer objeto que possa se transformar em criadouro do mosquito”, alerta a secretária de Saúde, Neide Braga.

Atenção gestantes – Fiquem alertas, pois as gestantes que contraírem zica vírus tem grandes chances de ter um bebê com microcefalia. Eliminem os possíveis criadouros do mosquito transmissor, usem repelentes aprovados, cubram bem o corpo e fiquem longe de locais com maior risco de focos.

Prefeitura intensifica combate ao Aedes Aegypti, mesmo com cortes do Governo Federal – A Prefeitura tem feito inúmeras ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti, mesmo com o corte do Governo Federal de R$ 4 milhões na saúde e com a imposição de limitar a contratação de agentes de endemias. A Secretaria de Saúde de Bom Despacho contratou mais agentes para reforçar as visitas domiciliares. A Prefeitura também promove campanhas e ações para alertar o cidadão e ainda faz palestras e concursos nas escolas para orientar os alunos e incentivar que eles ajudem a eliminar os focos de suas residências.

Imprimir